segunda-feira, 16 de novembro de 2015

Pedro Arroja, as esganiçadas do Bloco de Esquerda e as 'santanetes' de Santana Lopes

 

Lembro-me de a Esquerda criticar as “santanetes” de Santana Lopes; mas naquela altura não era “sexismo”.

E algumas “santanetes” também era esganiçadas.

Quando a Esquerda criticou as santanetes, esganiçadas ou não, fê-lo com propriedade, legitimidade, autoridade; mas quem não pertence ao clube “caviar” não faz parte do filme. Chama-se a isso tolerância repressiva.

O problema é o de saber se é verdade (ou não) que as esganiçadas do Bloco de Esquerda são de facto esganiçadas. Se for verdade que as esganiçadas do Bloco de Esquerda são esganiçadamente esganiçadas, então apenas constatamos um facto, um dado da experiência.

O facto de Pedro Arroja “não querer esganiçadas, nem dadas”, é apenas um exercício de bom-senso: para termos ganideiras em casa já nos bastam os canídeos de estimação.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Neste blogue não são permitidos comentários anónimos.